CPT-AL reforça o combate do trabalho escravo

 18/05/2009

No período de 19 a 21 de maio, a Comissão Pastoral da Terra em Alagoas (CPT-AL) realizará a segunda edição da Jornada dos Canavieiros, nos municípios de Branquinha e Messias, localizados na zona da mata alagoana. A atividade tem como objetivo executar ações preventivas contra o trabalho escravo e conta com o apoio da Paróquia São Sebastião de Messias e do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Branquinha.

A programação deste ano consiste na entrega de material pedagógico e preventivo; exibição dos documentários "Do bagaço à liberdade" e "Tabuleiro da cana, Xadrez do cativeiro"; aplicação de pesquisa sobre a realidade do trabalhador; e audiências com a prefeitura e câmara de vereadores de Messias. Outro ponto importante é a realização de um abaixo-assinado que reivindica a delimitação da área para a plantação da cana de açúcar, que corresponde a 99% da produção agrícola no município de Messias e a inexistência de um espaço de transição entre a área rural e urbana.

Em 2008, a CPT-AL realizou uma pesquisa com trabalhadores rurais, onde foi possível obter informações sobre as dificuldades enfrentadas no cotidiano do corte da cana. Os dados foram preocupantes quanto às carteiras de trabalho e as perspectivas de melhorias nas condições de vida, pois dos 184 entrevistados, 43,12% afirmaram que não tinham carteiras assinadas e 88,59% disseram que o serviço nos canaviais não trará mudanças favoráveis em suas vidas, devido ao baixo salário e as péssimas condições de trabalho.

Atualmente existem 26 usinas no estado de Alagoas, dessas 13 já foram autuadas por irregularidades administrativas. Segundo informações da CPT Nacional, dados registrados e divulgados no caderno de conflitos, 52% das pessoas libertadas da escravidão no Brasil trabalhavam em usinas de cana de açúcar.

CPT
A Comissão Pastoral da Terra em Alagoas faz parte da Regional Nordeste II (AL-PE-PB-RN) da CPT-Rede Nacional, é uma entidade sem fins lucrativos e de caráter ecumênica. Busca a transformação sócio-política, preza pelo respeito e a garantia dos direitos para os trabalhadores rurais.

A CPT de Alagoas iniciou suas primeiras assessorias e atividades com os cortadores de cana, depois começou a coordenar as ocupações de terras improdutivas e atualmente acompanha 15 assentamentos, 24 ocupações e 03 áreas de posseiros. Dentre as ações no Estado, destacam-se: o Natal dos camponeses; Feiras Camponesas; Romarias da Terra e das Águas; e o jejum de solidariedade.

Programação da Jornada dos Canavieiros:
19/05/09 (terça-feira) – Messias
07h30: Reunião com a equipe
09h00: Ato na câmara dos vereadores
12h00: Almoço
14h00: Visita (pesquisa) e convite para o filme na comunidade do Corte
19h30: Exibição do filme "Do Bagaço a Liberdade".

20/05/09 (quarta-feira) – Messias
08h00: Reunião com a equipe
09h00: Ato na Prefeitura
12h00: Almoço
14h00: Visita (pesquisa) e convite para o filme no Conjunto Ana Raquel
17h00: Avaliação
19h30: Exibição do filme "Do Bagaço a Liberdade", na Escola Municipal Emilio Elizeu.

21/05/09 (quinta-feira) – Branquinha
09h00: Reunião com a equipe
10h00: Panfletagem
12h00: Almoço
14h00: Visita (pesquisa) na comunidade Mundo Novo
17h00: Avaliação
19h30: Exibição do filme "Tabuleiro de Cana, Xadrez de Cativeiro".

 

por Assessoria CPT/AL

APOIE

A REPÓRTER BRASIL

Sua contribuição permite que a gente continue revelando o que muita gente faz de tudo para esconder

LEIA TAMBÉM